21/09/2020

Gazeta Amparense

As principais informações

Superciclone devasta leste da Índia e de Bangladesh e deixa mais de 3 milhões desabrigados

Mais de 80 pessoas morreram na Índia e em Bangladesh, na última quarta-feira, vítimas do superciclone que devastou a região leste dos países.
Foi o fenômeno mais forte dos últimos 10 anos, com ventos de até 185 quilômetros.
De acordo com os governos, mais de três milhões de pessoas foram obrigadas a deixar suas casas antes da chegada do ciclone Amphan, que se formou no Oceano Índico.
Imagens registradas na quinta-feira mostram um triste cenário, com milhares de construções destruídas.
As rodovias continuam bloqueadas e muitas áreas seguem alagadas.
Mais de UM MILHÃO E 500 mil pessoas ficaram sem energia elétrica.
Autoridades locais lamentaram a tragédia e estimam que não foi maior pela agilidade na execução do plano de evacuação.
Em 1999, um ciclone de intensidade semelhante matou 10 mil indianos.